90 Maneiras de cair com a moto – parte I


Motorcycle Accident
    Bom pessoal, pode parecer sarcástico esse título, mas possue um toque bem humorado e realístico, pois, muitos irão identificar varias destas situações, onde o objetivo maior é alertar a todos para possíveis problemas que se der tempo de pensar , podem ser evitadas …
 
90 MANEIRAS DE CAIR COM A MOTO

1 Colocar seu pé num buraco quando estiver parando.

2 Colocar seu pé em algo escorregadio quando estiver parando.

3 Travar a roda dianteira durante uma frenagem com muito entusiasmo.

4 Errar o trilho e escorregar na grama da garagem.

5 Não colocar o apoio lateral ao abandonar a moto.

6 Estar parado e iniciar uma curva no cascalho ou areia, acelerando muito.

7 Não colocar uma placa embaixo do apoio lateral, sobre asfalto num dia quente.

8 Deixar pessoas muito entusiasmadas subirem na sua moto, sendo que é a primeira vez delas.

9 Esquecer que a moto estava engrenada ao sentar o pé no kick starter.

10 Acelerar, soltar a embreagem, colocar os pés nos apoios quando o sinal abre, mas a moto estar em neutro.

 

8

 

11 Não apoiar os pés no chão quando o sinal fecha.

12 Perder o equilíbrio ao tentar subir a moto no apoio central.

13 Pilotar por uma hora, sem luvas, com 5′ C, parar num sinal, e soltar a embreagem de soco porque você não sente suas mãos.

14 Ao parar no pedágio, colocar seu pé na faixa de graxa que se acumula ali no chão, quando os carros param.

15 Usar muita potência quando você está saindo do pedágio cheio de graxa.

16 Ignorar a areia que se acumula nas ruas, um dia depois de uma enchente.

17 Sentar o pé com força no apoio lateral, sem ver que ele bateu e voltou.

18 Descer da moto com o motor ligado, sem ver que a moto estava engrenada.

19 Tentar ligar sua primeira moto com o kick start, diversas vezes até ficar com raiva, sem perceber que estava com o corta corrente desligado, e engatar a argola da bota na alavanca do kick starter.

20 Dar a partida na sua moto nova, arrancar com potência e perceber que você não havia tirado a trava da direção.

 

5

 

21 Na mesma moto parar para descer, sem se dar conta que a alavanca do kick start ficou presa dentro da sua calça.

22 Sua calça ou bota engatar na alavanca de marchas com o motor ligado, e botar a moto em primeira, quando você estava tentando recolher o apoio lateral.

23 Num sinal vermelho, ficar acelerando que nem um idiota, pensando que está em neutro, e soltar a embreagem por descuido.

24 O seu irmão gordo que está na garupa se inclina demais para um dos lados, para olhar alguma coisa no asfalto, parados num sinal.

25 A esposa prende o pé num dos alforjes, ao subir na moto antes de você.

26 Pneus carecas, e um chuvisco leve sobre chão de granito.

27 Olhar para a areia na rampa de saída da estrada, em vez de olhar para a curva.

28 Nem você nem seu pai olharem, enquanto ele dá ré com a caminhonete e bate na sua moto.

29 Tentar colocar a moto no apoio central, descobrindo que seus joelhos estão fracos da viagem.

30 Estacionar atrás da minivan do amigo, pensando "com certeza eles vão ver, ainda mais que são 5 dentro do carro".

 

3

 

31 Depois de abastecer, segurando a moto nivelada para poder encher mais, ir ao banheiro e não se dar conta que era você quem estava apoiando a moto e não o suporte central.

32 Prender o cadarço na alavanca de marchas.

33 Sentar o pé no kick start duma moto antiga, e ela dar um kick back.

34 Ficar furioso porque deixou a moto cair para o lado, levantá-la vigorosamente só para ela cair para o outro lado.

35 Tirar a moto do apoio central, sem ver que o apoio lateral também estava abaixado.

36 Entrar na grama molhada com pneus de corrida.

37 Entrar no asfalto molhado com pneus de lama.

38 "Pensar" que o apoio lateral estava abaixado quando ele não estava.

39 O apoio lateral lentamente afundar em solo macio.

40 O apoio lateral lentamente afundar em asfalto quente.

 

10

 

41 Dar ré perpendicular a uma lomba, apoiar-se no pé de baixo numa moto grande com assento alto.

42 Tirar a moto sozinho, de ré, de cima de uma pickup. Por cima de uma tábua.

43 Perder o equilíbrio quando faz uma parada, por causa de fadiga da longa viagem. O vento e o som do motor induzem à uma vertigem inesperada.

44 Pilotar além dos seus limites, tentando acompanhar alguém que provavelmente também está passando dos limites dele.

45 Não prestar atenção no que está fazendo. Se distrair pensando que a esposa/namorada engordou enquanto pilota.

46 Pensar que todas as estradas molhadas são iguais. Elas ficam muito mais escorregadias no início da chuva, até que o óleo e poeira sejam lavados.

47 Imaginar que a situação depois da curva fechada está do mesmo jeito que ontem. Em vez disso você acha galhos/areia/animais mortos/cascalho/lixo/buraco/óleo.

48 Chegar muito rápido numa curva e ter que freiar em cima da hora.

49 Sair sem todo o equipamento de proteção para trilhas só desta vez, mas desta vez não deu, e cair de um barranco.

50 Usar potência demais na primeira curva, após ter colocado pneus novos.

 

fonte: MotoMania

 

11

 

Equipe: MotosBR

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em ARTIGOS

2 Respostas para “90 Maneiras de cair com a moto – parte I

  1. Ilan

    Faltou: (duas vezes assim comigo) – Fazer volta redonda na estrada e puxar forte o freio dianteiro com o guidão virado para qualquer lado. É tombo seco, sem chance de defesa.. Vale também pra quando estiver empurrando a moto.

  2. gislene

    faltou: frear sua primeira moto ,num dia de chuva bruscamente com os dois freios ,sendo freios a disco.cai tres vazes.em uma me arrebentei toda.

    gislene_lola

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s