Mecânicos transportavam drogas no caminhão da equipe oficial da Kawasaki do WSBK.


CAMINH~1

     Na Inglaterra, Agência Britânica de Aduanas encontrou quase 200 Kg de drogas e uma pistola em um dos caminhões oficiais da equipe oficial da Kawasaki no Mundial de Superbike.

     Foram descobertos 8 Kg de cocaína, 71 de anfetaminas e aproximadamente 100 Kg de  maconha e quatro mecânicos da equipe foram presos: Philip Roe, Gary Mattews, Mattia Fontana e Daniel Sywer.

     Paul Bird, chefe da equipe, se pronunciou sobre este lamentável acontecimento por meio de nota para a imprensa que reproduzimos na íntegra abaixo.

    “Em função das especulações surgidas nos meios de comunicação, a Paul Bird Motorsports quer confirmar que uma quantidade de substâncias proibidas foram depositadas em um de seus veículos de transporte que apoiava a etapa de Assen do Mundial de Superbikes.
As substâncias, junto à outra série de produtos ilegais, foram descobertas quando o veículo regressava para o Reino Unido, em um controle rotineiro no porto de Dover.
Naturalmente, o descobrimento destas substâncias foi um choque para toda a equipe. A equipe confia que nenhum de seus integrantes teve conexão alguma com o material encontrado. Na há detidos e todos os membros da equipe estão desempenhando suas tarefas com normalidade.
Não há nenhuma suspeita de que a Paul Bird Motorsports esteja envolvida em atividades ilegais e nenhum de seus trabalhadores foi interrogado por este asunto. Aqueles que estavam presentes durante este acontecimento tem recebido o apoio total do resto da equipe, que colabora ativamente com as autoridades para esclarecer os fatos.”

     A equipe decidiu aumentar suas medidas de segurança nos veículos que viajam através da Europa. Apesar do impacto moral na equipe, a Paul Bird Motorsport estará presente na próxima etapa do Mundial de Superbikes, em Monza (Itália), com força e determinação para triunfar no campeonato.

 

122_1010_01_okawasaki_racing_team_ninja_launch

 

     O Incidente teve reações imediatas !!!

     Os caminhões responsáveis pelo transporte dos equipamentos da Fórmula 1 e os das outras categorias de esporte a motor, passarão por vistorias intensas nas estradas da Inglaterra a partir das próximas semanas. A medida foi tomada em função do triste episódio ocorrido .

     O anúncio da nova ação, foi feito pela agência responsável pelo controle nas fronteiras do Reino Unido, que alegou a intensificação nas inspenções desses veículos, como a Inglaterra abriga a maioria das sedes da Fórmula 1, consequentemente a categoria será a que mais sofrerá vistoria. Segundo o Daily Telegraph, jornal inglês, a supervisão nas estradas da Inglaterra será responsabilidade da inteligência inglesa. Fontes não indentificadas, ressaltaram que os caminhões das competições quase não são parados para averiguação, ou seja, até hoje a vistoria era extinta entre esses pesados.

 

 

Equipe: MotosBR

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em NOTÍCIAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s